Tags

, , , , , , ,

 

simples assim

Final de ano é tempo de reflexão. Talvez você não tenha nem cabeça para isso, atolado em dívidas de cartão de crédito, cheque especial e prestações. Não é hora de apenas refletir, é hora de agir. Nós vivemos numa sociedade materialista, consumista, capitalista em que valemos o que temos. Essa mentalidade nos escraviza e mantém-nos constantemente focados naquilo que nos falta e não naquilo que nós temos. Aliás, focados naquilo que pensamos que nos falta. A mentalidade capitalista cria em nós, falsas necessidades. Vivemos sobe a égide despótica de ter apenas por ter. Ter para competir. Se as pessoas ao nosso redor têm, nós também “precisamos” ter. A maioria de nós escolhe viver como pobre no meio dos ricos. Escolhemos ter ao nosso redor, pessoas com maior poder aquisitivos do que nós e aí, fazemos das tripas o coração para manter nosso status diante delas. Viver uma vida simples, buscando ter apenas o essencial à vida, livre das pressões consumistas é o grande desafio para termos uma vida leve e sadia financeiramente. Livre-se da competição insana de desejar algo apenas porque as pessoas ao seu redor possuem. Na maioria das vezes, nossas escolhas são feitas comparativamente: o que as pessoas ao meu redor têm, eu “preciso” ter. É uma absoluta insanidade viver escravizados por essa mentalidade. Liberte-se, você é você por Deus te fez assim. Você não é o que você tem. Você é o que você é; seu jeito, seus sentimentos, suas virtudes e seus defeitos. Lembre-se, você não é o que você possui. Invista sua energia e seus recursos nos seus sentimentos, caráter e maneira de ser. É muito mais sensato viver assim. O Mestre dos mestres nos legou esse grande exemplo de vida. Enquanto o mundo celebra Seu aniversário com banquetes e presentes finos, Ele, sendo o criador e mantenedor do Universo, escolheu viver entre nós de forma simples e sem ostentação. Aos que queriam segui-Lo, Ele advertiu: “As raposas têm suas tocas e as aves do céu têm seus ninhos, mas o Filho do homem não tem onde repousar a cabeça” (Lucas 9:58). Seja um seguidor de Jesus. Simplifique. Viva livre, leve e solto. A vida é curta demais para vive-la sob a pressão de “ser aquilo que os outros querem que sejamos”. Siga os passos do Mestre, Ele sabe das coisas. Bom Natal e um Ano Novo livre de dívidas insanas.